Super Auto
Perfetto Café
Academia Spaço Fitness
Badotti Topo
Menu Site 02 – 04 seg

Notícias

Home >Notícias >Conexão Política 26/05/2018

COLUNISTA Conexão Política Visualizações: 302

Conexão Política 26/05/2018

Conexão Política 26/05/2018

Resposta

O presidente do PSDB de Santa Catarina, Deputado Marcos Vieira, emitiu uma nota nesta sexta-feira, alegando que o PSDB terá candidato próprio, respeitando uma decisão partidária. A nota emitida pela executiva estadual dos tucanos é uma clara resposta ao deputado Gelson Merisio (PSD), que estaria desdenhando da candidatura do o PSDB. Marcos Vieira pediu respeito a opção tomada pelo ninho tucano.

Tucano na ponta

Não resta dúvida que os tucanos apresentam um nome forte para disputar o governo de Santa Catarina. Em todas as pesquisas o Senador Paulo Bauer, tem aparecido muito forte, mesmo como uma improvável candidatura do Deputado Federal Esperidião Amin. Os dois parlamentares despontam na liderança com o progressista flutuando na casa dos 30% e o Tucano variando entre 21 a 22%. Como a candidatura de Amin é quase improvável, já que sonha com uma cadeira no senado, quando seu nome é retirado da disputa Bauer assume o protagonismo com os mesmos 30% de Amin.

Comemoração discreta

A atitude de Merisio, em relação ao PSDB, foi repreendida até pelo ex-governador Raimundo Colombo. Candidato ao Senado o ex-governador não esconde de ninguém que seu projeto é ter um outro partido forte ao seu lado para uma campanha mais segura. Merisio desdenhando do PSDB pode jogar o partido tucano no colo do MDB, caso este decida recuar na candidatura própria ao governo do estado. Se isso vier a ocorrer, tanto o projeto de Merisio ao Governo como o de Colombo ao Senado ficam comprometidos. Lembrando que Merisio também foi repreendido pelo deputado Esperidião Amin, que sonha em isolar o MDB, numa tríplice aliança entre PSDB, PP e PSD, com Bauer liderando o processo. Tem deixado muito claro isso em diversas manifestações.

Colégio eleitoral forte

Numa provável disputa entre Bauer (PSDB), Pinho Moreira (PMDB) e Merisio (PSDB), não resta dúvidas de que o tucano sai com uma ligeira vantagem pelo colégio eleitoral forte que é a região de Joinville. Historicamente a região tem feito a diferença nas eleições estaduais. Foi assim nas duas eleições de Luiz Henrique ao governo, e também nas de Colombo que teve o apoio do líder peemedebista, atingindo percentuais impressionantes de votos na região norte, que tem o maior número de eleitores do estado. Estes dados podem se tornar uma preocupação para Merisio, pois, além de não ser uma região muito forte de eleitores, a divisão dos votos é muito grande dentro do seu próprio colégio eleitoral. Vale lembrar que o próprio Colombo, conquistou no seu colégio eleitoral mais de 60% dos votos, o que não parece o caso que venha acontecer com o candidato oestino, tanto em Chapecó quanto Xanxerê.

Movimento continua

A greve dos caminhoneiros, que praticamente parou o Brasil, está longe de um final. A decisão do governo, confirmada pelo STF, em usar as forças armadas para desbloqueio das estradas mostra que o não está mais propenso a negociar. Neste sábado as forças armadas estão realizando trabalho de desbloqueio das principais rodovias, mas muitos caminhoneiros continuam parados ignorando a decisão do governo e exigem a redução drástica no preço do diesel. O governo precisa achar uma solução para esta redução, já que muitas empresas de transportes estão quebrando por não terem mais como fazer os transportes com o preço do combustível nestes patamares. Enquanto isso a população está apreensiva com a situação já que muitos produtos já estão faltando nos mercados.

Saiba Mais

Publicidades

Bianca Turismo – Interna
Joelcir Interno
LisaFarma Interno
Wustro Interno
Restaurante Interno
Milte Interno
Chapeação PerformanceCar Interno
La Luna Modas – Gerusa
NetXan Interno
For boys rodapé
Reana central
Fechar